Como Dá certo, Cardápio E Dicas

Como Tem êxito, Cardápio E Dicas


O crossfit é um programa de treinamento de força e condicionamento utilizado por academias de polícia, unidades militares, equipes de operações táticas, campeões de artes marciais e atletas profissionais em o mundo todo. Uma sessão de crossfit costuma ser de alta intensidade e as séries costumam suceder de três a 5 vezes por semana, com duração de 45 minutos a uma hora por dia.


As rotinas geralmente são variadas, o que faz com que o praticante não repita a mesma série toda semana. Apesar de útil para as pessoas que deseja perder gordura e/ou cultivar massa muscular, não são somente os exercícios da modalidade que são os responsáveis pelos objetivos. Para alcançá-los, ainda é preciso seguir uma alimentação adequada. Pensando nisso, qual seria uma dieta pra crossfit apropriada? Como fazer e como será que ela dá certo?


http://www.ultramedsglobal.com/the-mystery-of-lose-weight-diet-chart-in-hindi-no-one-is-talking-about/

Qual o teu cardápio? Um programa alimentar comumente adotado pelos atletas do crossfit é a dieta Paleo. A crença é que os alimentos geneticamente transformados e altamente processados são os responsáveis por dificuldades de saúde como baixa de sistema imunológico, dores nas juntas, problemas de reprodução, refluxo ácido, dermatites, inflamações, problemas gastrointestinais e ausência de energia. Crossfit ou Musculação - Qual Escolher?



Desse modo, a dieta Paleo prega o consumo de alimentos que não sofreram nenhum tipo de processamento por cota da indústria de alimentos. O programa alimentar também proíbe a ingestão de grãos. A causa é que eles são compostos por substâncias como lectinas, fitatos e glúten que conseguem danificar o sistema digestivo, causar inflamações e intolerâncias. Abacaxi, maracujá açucarado, banana, uva, manga e coco com moderação. Processados e enlatados como salame, presunto, peito de peru embutido, peito de frango embutido, salsicha, linguiça, ketchup, alimentos em conserva, molhos processados, azeitona e carnes defumadas.


Outra opção interessante de dieta para crossfit é a dieta da Zona, cuja principal inquietação menciona-se ao controle dos hormônios do corpo. Isso visto que o equilíbrio hormonal é considerável para inúmeros aspectos do corpo humano como o bem-estar, a composição corporal, a utilização de energia e a composição sanguínea, como por exemplo. O programa alimentar defende uma alimentação com saúde, composta por níveis equilibrados de proteínas, gorduras e carboidratos como maneira de controlar as taxas dos três principais hormônios obtidos por intermédio da dieta: a insulina, o glucagon e os eicosanoides.


A insulina é um hormônio que atua no armazenamento e trabalha no transporte de glicose pelas células do corpo humano. Níveis excessivos de insulina estão associados ao acrescento de peso e à aceleração de inflamações silenciosas. Prontamente o glucagon atua na liberação de carboidratos armazenados no corpo em um ritmo estável, estabilizando os níveis de açúcar no sangue. Tal equipamento é importante pra uma interessante performance em tão alto grau física quanto mental. Olhe bem como: Insulina e glucagon no emagrecimento. Por tua vez, os eicosanoides controlam as inflamações silenciosas e organizam indiretamente uma ampla gama de outros hormônios encontrados no corpo humano.


Entre os benefícios prometidos na dieta da zona estão: perda do excesso de gordura do corpo humano de maneira rápida, manutenção do bem-estar em grande período, melhoria da performance física e mental e desaceleração do procedimento de envelhecimento. Dados e outras informações sobre o tema que estou informando neste post pode ser encontrados em outras páginas de credibilidade por aqui http://www.ultramedsglobal.com/the-mystery-of-lose-weight-diet-chart-in-hindi-no-one-is-talking-about/ .Um típico prato do cardápio das refeições e lanches da dieta da zona é composto 1/três por proteínas, dois/três por carboidratos e uma pitada de gorduras monoinsaturadas.



As fontes de proteínas podem incluir claras de ovos, peixes, produtos laticínios com pequeno teor de gorduras, aves, bifes magros e novas referências magras de proteínas em porções equivalentes ao tamanho e grossura da palma da mão. Agora os carboidratos correspondem a vegetais coloridos, acompanhados de um pouco de fruta. Recomenda-se impedir frutas e vegetais ricos em açúcar como bananas, cenouras, uvas e uvas-passas e lotados de amido como batatas e milho.


Por sua vez, as gorduras monoinsaturadas são capazes de ser encontradas em abacates, amêndoas e óleo de oliva, como por exemplo. As refeições do programa alimentar são divididas em blocos conforme a quantidade de referências dos grupos de nutrientes que a refeição traz. Tais como, o bloco 1 oferece uma fonte de proteínas, uma de carboidratos e uma de gorduras. O bloco dois é composto por duas fontes de cada, o bloco 3 por 3 referências de cada e então em diante. Temos aqui um cardápio com total de onze blocos, que é um valor indicado para uma mulher de tamanho médio. O número total de blocos pras refeições diárias varia de pessoa para pessoa, conforme tuas características. Qual dessas opções você adotaria como a tua dieta para crossfit? O que achou do cardápio de ambas?


No final das contas, os alimentos doces e gordurosos estimulam um acrescento nos níveis de serotonina (responsável pela impressão de alegria), entretanto necessitamos lembrar que este efeito é passageiro e, acima de tudo, viciante. Consciente disso, o melhor caminho é tentar resolver os problemas pessoais atacando diretamente a raiz, sem descontar ou procurar uma fuga na comida. Porém como isto não é sempre que é tão descomplicado assim sendo, procure descarregar o teu estresse pela prática de exercícios, nos alongamentos, nas técnicas de relaxamento, ou até na terapia cognitiva-comportamental. Como última alternativa, existe ainda remédios para a evolução da química cerebral (você precisa buscar um médico pra ganhar as orientações desse caso).



Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *